gestão de requisitos legais – SOGI
×

Dificuldade para monitorar seus Requisitos Legais Aplicáveis?

Por que muitas organizações ainda possuem dificuldade  em monitorar seus Requisitos Aplicáveis? Primeiramente, cada empresa tem seu ramo de atividade e suas especificidades, ou seja, isso especificará quais requisitos a empresa deverá atender.

Contudo, já parou para pensar no volume de leis, normas, diretrizes e requisitos para serem atendidos, assim como nos âmbitos municipais, estaduais e federais? É muita legislação a ser seguida, por isso, há muitas organizações que se atrapalham na hora de monitorar seus requisitos.

É sobre esse assunto que abordaremos hoje. Boa leitura!

Por que muitas organizações ainda possuem dificuldade  em monitorar seus Requisitos Aplicáveis?

O que são Requisitos Legais Aplicáveis?

Requisitos Legais Aplicáveis podem ser entendidos como exigências explícitas em leis ou normas que precisam ser cumpridas por sua empresa para que esta fique em dia com a legislação vigente, no que diz respeito à sua localização e atividade.

Estar em dia com os requisitos legais aplicáveis às atividades de sua empresa é simplesmente indispensável. Quando uma empresa deixa de cumprir normas ou leis aplicáveis ao seu negócio, ela não apenas pode ser penalizada com multas e ações judiciais, como também poderá estar colocando seus colaboradores em perigo e até correndo o risco de perder o direito de continuar exercendo suas atividades. Certamente, esse cenário não é o desejado por ninguém!

Dificuldades para monitorar os Requisitos Legais Aplicáveis

Mesmo quando o gestor é bem intencionado, faz o possível e impossível para cumprir a legislação vigente, ele ainda pode ter problemas se não consegue monitorar os requisitos legais pertinentes ao seu negócio de maneira adequada.

Vamos contar uma historinha para ilustrar: a empresa fictícia Plásticos e Cia, uma exímia fabricante de embalagens, é muito correta em relação à leis que regem seu negócio. Mas, existe um porém: ela não conta com uma consultoria especializada para o monitoramento legal. Isso significa que tudo é feito internamente. Acontece que seus colaboradores não possuem conhecimento específico necessário e para piorar estão viciados nas rotinas processuais, o que não permite enxergar novas possibilidades de melhorias.

Um certo dia, a Plásticos e Cia consegue negociar um contrato com um novo fornecedor. Este, por sua vez, oferece matéria-prima de ótima qualidade e excelentes preços, fator que vai impulsionar seu faturamento. Só que a Plástico e Cia impôs uma condição: seu fornecedor precisa realizar alguns ajustes, para fechar negócio, devendo estar em conformidade com uma série de exigências legais e concedeu o prazo de dois meses para que tudo esteja dentro do combinado e que assim, possam selar o trato.

O fornecedor, ávido por não perder a oportunidade, marca uma auditoria externa, com a certeza de que sua empresa já vem seguindo todos os requisitos necessários para fechar o novo contrato. Entretanto, durante o processo de auditoria, o fornecedor descobre que tem deixado de cumprir uma lei municipal muito importante — algo que passou batido durante o processo interno — e que vai precisar de três meses para regularizar tudo! Pronto, o contrato não pode ser selado e a oportunidade foi perdida para ambos. Isso significa que a Plástico e Cia não conseguiu impulsionar seu faturamento, mantendo a qualidade de seus produtos e o fornecedor perdeu a oportunidade de expandir seu negócio.

Essa é uma historinha simplória, mas muitas empresas passam por situações desse tipo, todos os dias. É mais comum do que se possa imaginar. E, nenhuma empresa vai arriscar contratrar um novo fornecedor que não atenda aos padrões mínimos exigidos, visto que isso poderia causar danos irreparáveis para o negócio.

Volume de Leis impactam no atendimento dos requisitos legais

Mesmo que uma empresa encarregue seu departamento jurídico de realizar uma leitura e acompanhamentos diário das edições do Diário Oficial, que estimule seus advogados a se manterem atualizados, que invista em cursos para seus colaboradores, tudo isto pode não ser o suficiente para identificar e acompanhar as mudanças na legislação aplicável, seja pelo excesso de informação, seja porque o setor jurídico de uma companhia possui muitas outras atribuições para lidar, ou seja porque a empresa sequer tem condições de manter um setor jurídico e precisa terceirizar a tarefa.

O volume de leis, normas e requisitos publicados diariamente no Brasil é imenso, além disso, cada atividade é regida com normas e obrigações diferentes. Uma mineradora e um supermercado podem até ser regidos por algumas leis em comum, mas haverá um momento em que ambos se depararão com requisitos totalmente diferentes em seus respectivos negócios.

Além disso, vale ressaltar que a legislação empresarial tem ramificações muito específicas, a qual abrange seu escopo, operação, produção, geração de resíduos, emissões, insumos, maquinários, produtos, pessoal, meio ambiente e muito mais. Enfim, o monitoramento (e correta interpretação) de todas as legislações pertinentes a um negócio, exige uma estrutura robusta, formada por profissionais altamente qualificados. Só assim, é possível garantir a segurança jurídica de todo o processo.

É por isso que muitas empresa optam pela contratação ferramentas agéis que tem a capacidade de reunir todos os requisitos num só lugar, permitindo que assim, o monitoramento dos requisitos sejam o mais preciso possível.

Ferramentas de Gestão podem ajudar a monitorar Requisitos

A Verde Ghaia possui uma ferramenta totalmente online para gestão integrada empresarial, chamada SOGI – Software Online de Gestão integrada.

O SOGI possui um módulo excelente para gestão de requisitos legais aplicáveis, conhecido como Módulo LIRA (a sigla significa Lista Interna de Requisitos Aplicáveis).

É uma ferramenta amparada pelas normas internacionais de gestão, e sua metodologia permite identificar os requisitos em âmbito federal, estadual e municipal, com um sistema atualizado, constantemente, para que nunca ocorra defasagem ou desinformação a respeito das legislações que porventura tenham sido revogadas, incluídas, excluídas ou alteradas.

Módulo Lira: monitoramento de Requisitos

O Módulo LIRA facilita o monitoramento de todos os requisitos legais aplicáveis a uma organização, bem como o gerenciamento dos planos de ação para melhorar o atendimento dos requisitos aplicáveis.

A interface do sistema é amigável e apresenta todos os requisitos de maneira intuitiva, incluindo quesitos, ações, prazos e alertas. Ela também conta com um sistema de cores, que alerta se existe atraso em relação ao cumprimento de algum requisito, se este se encontra em período de recorrência ou de monitoramento, e também informa pendências e sinaliza o status do atendimento de cada item.

Funcionalidades do módulo LIRA

O banco de dados é atualizado diariamente com os requisitos e obrigações pertinentes (federais, estaduais e municipais);

O sistema permite inserir e replicar informações de uma unidade para outra da empresa, facilitando os processos de cadastramento, busca e compartilhamento de informações. Também possibilita a emissão de relatórios e gráficos corporativos, e a comparação de dados e indicadores entre as unidades.

Você pode criar quantos usuários desejar e fazer o upload ilimitado de documentos. Também é possível definir responsáveis pela gestão de cada item e ficar ciente do custo do não cumprimento de um requisito e do índice de recorrência de cada um;

Além disso, sua empresa contará com suporte técnico e suporte jurídico, e também de uma assessoria para esclarecimento de dúvidas.

Por que adotar o Módulo LIRA?

Adotar um sistema especializado em monitoramento de requisitos gera uma série de benefícios. Diminui riscos com fiscalizações inesperadas, reduz denúncias de partes interessadas (vizinhanças, colaboradores) e evita o recebimento de multas — que podem se originar até mesmo por puro desconhecimento legal.

Além disso, a empresa pode se planejar melhor, visando não apenas estar em conformidade, mas também conhecendo melhor seus riscos e podendo criar assim planos de ação que estimulem seu desenvolvimento. Além disso, uma organização que segue a legislação corretamente constrói uma imagem sólida e confiável perante o mercado, e ainda obtém vantagens, como a aquisição de seguros mais atrativos e acessíveis, e facilidade na negociação de empréstimos bancários.

Monitore os requisitos aplicáveis à sua empresa de forma especializada. Evite multas, reduza riscos de acidentes de trabalho, previna crimes ambientais ou embargos trabalhistas através de uma gestão preventiva, garantindo a Compliance de sua empresa no atendimento à legislação.

Leia o e-book e conheça o Módulo Lira!

MÓDULO LIRA
E-book: Módulo LIRA do SOGI.

GAIA: relacione seus requisitos legais aplicáveis

São oito da manhã de uma segunda-feira sua empresa recebe um visitante. Um fiscal do IBAMA. Ele deseja conferir a situação das licenças de instalação e operação. Você sabe que sua licença de operação está em dia, mas não tem muita certeza sobre a licença de instalação. Você andou pedindo à sua equipe que conferisse todas as licenças — “Mas são tantas tarefas, tantos requisitos para acompanhar, tantas leis, tem hora que não dá tempo ou as informações se perdem!”.

Eis que você descobre que sua licença expirou há uma semana. Não há o que fazer, senão receber a multa com resignação.

Gerencie seus Aspectos e Impactos com segurança

Esse tipo de problema, como mencionada acima, pode ser facilmente evitado com o módulo GAIA (Gerenciamento de Aspectos e Impactos Ambientais), um software desenvolvido pela Verde Ghaia para facilitar o gerenciamento de todos os aspectos e impactos ambientais de sua organização. Ele auxilia na avaliação dos impactos ambientais e na criação de planos de ação voltados para a melhoria e adaptação às exigências legais.

Através de uma metodologia especialmente desenvolvida, o módulo GAIA identifica a significância dos aspectos e dos impactos ambientais aplicáveis à sua organização, bem como a correlação de todos eles com a legislação.

Em outras palavras, a cada aspecto registrado no sistema, automaticamente surge a listagem de requisitos que devem ser cumpridos, inclusive com dados imprescindíveis, como as datas de expiração das licenças. O sistema vincula todos os requisitos aplicáveis àquele aspecto e os vincula à sua planilha GAIA de forma prática e ágil.

SOGI GAIA: procedimentos e critérios de identificação

O software também oferece o procedimento e os critérios de identificação, informa se o aspecto e impacto ambiental são significativos, quais são os riscos para o seu negócio, identifica de forma clara os aspectos que necessitam de controle operacional a fim de reduzir suas ocorrências e é um suporte para a criação e gerenciamento de planos de ação para cada aspecto em sua atividade e processos.

Lembrando que o item 6.1.3 da nova versão da Norma 14001:2015 diz que toda organização deve determinar e ter acesso aos requisitos legais e outros requisitos relacionados a seus aspectos ambientais, determinar como tais requisitos impactam na organização, além de levar esses e outros requisitos em consideração quando for estabelecer, implementar, manter e melhorar continuamente seu sistema de gestão, através de informação documentada.

Na visualização da planilha, aparecerá um campo específico onde é possível abrir e visualizar os textos de todos os requisitos vinculados.

Diferenciais do Módulo GAIA – SOGI

Além disso, o Módulo GAIA possui outros diferenciais:

  • Armazena informações e históricos.
  • Oferece uma interface amigável para visualização das planilhas.
  • Gera relatórios e gráficos gerenciais, realizando o envio automático para o e-mail dos interessados, sempre mostrando o status dos planos de ação.
  • Detém maior agilidade nos controles e possibilidade de controle centralizado.
  • Organiza a gestão de todos os itens do Levantamento de aspectos e Impactos: área, processo, atividade e medidas de controle.
  • Gerencia os riscos e oportunidades dos processos e operações, relacionando-os aos aspectos e impactos.
  • Relaciona suas atividades finais e suas possíveis consequências de acordo com aspectos e impactos ambientais.
  • Gera a análise de riscos e ciclo de vida dos produtos e relatórios gerenciais.
  • Permite o controle das permissões de acessos dos usuários e das alterações nas planilhas.
  • 100% de confidencialidade e segurança da informação.
  • Sistema online, sem necessidade de instalação, com acesso em período integral de qualquer lugar do mundo

Com todas as informações pertinentes inseridas, o software é capaz de responder a milhares de perguntas, tais como:

  • Quais são os aspectos/impactos significativos em minha atividade?
  • Meus controles estão sendo eficazes?
  • Quais os riscos mais relevantes para o meu negócio?
  • Há oportunidades de redução de custo ou de novos investimentos?

Só o Módulo GAIA assegura um rígido de controle de todos os aspectos e impactos ambientais, garantindo à gestão ambiental o máximo de precisão e evitando que sua empresa tenha surpresas desagradáveis junto à lei.

Fale conosco e agende uma demonstração do Módulo GAIA – SOGI!


Como melhorar o Gerenciamento de Requisitos Legais. Isso é necessário?

Como melhorar o gerenciamento de requisitos legais? É uma pergunta que se torna cada vez mais importante para empresas de todos os tipos, sejam elas pequenas, médias ou grandes.

Porém, é difícil compreender o porquê de muitas empresas ainda se limitarem a usar softwares de gerenciamento de leis obsoletos, mesmo enfrentando várias dificuldades para gerar algum resultado. Alguns dos fatores limitadores que geram dificuldade em gerenciar requisitos legais ou estar em conformidade são:

  • Insegurança no gerenciamento dos requisitos legais;
  • Falta de tempo para gerir os requisitos;
  • Sensação de incerteza nas auditorias;
  • Problemas na avaliação do status de atendimento aos requisitos legais;
  • Dificuldade para atender às conformidades legais;
  • Não conseguir interpretar todas as leis aplicáveis ao negócio, e nem acompanhar as suas atualizações.

Apesar dessas limitações, é possível melhorar o gerenciamento dos requisitos legais de uma organização, tornando-o mais dinâmico, prático e confiável. Uma dica essencial é ter uma estratégia para conhecer toda a legislação aplicável ao seu negócio e estabelecer planos de ação para atender a estes requisitos. Como? Utilizando softwares de gestão modernos, tal como é o SOGI, o Software Online de Gestão Integrada desenvolvido pela Verde Ghaia.

Como melhorar o gerenciamento de requisitos legais?

Quer saber mais sobre o assunto? Então continue a leitura e entenda como melhorar o gerenciamento de requisitos legais pode trazer extrema dinamicidade e otimização de processos para empresas.

Primeiro, você precisa entender o que é gerenciamento de requisitos legais. Pois a partir dessa compreensão fica mais fácil visualizar as necessidades reais da organização e assim, voltar esforços no gerenciamento de requisitos legais. Vamos entender o que significa na prática, gerenciar requisitos legais.

Exemplificando, os requisitos legais são “recursos”, “regras”, “diretrizes” necessários para que a organização possa entregar à parte interessada um produto e/ou serviço com a qualidade miníma necessária. Por sua vez, o gerenciamento de requisitos é um conjunto iterativo de atividades que ajuda a garantir a identificação de todas as legislações aplicáveis às atividades do seu negócio.

Portanto, gerenciar significa monitorar se a organização está atendendo aos requisitos, e caso seja identificado alguma não-conformidade, tratados adequadamente durante o ciclo de vida do projeto, de modo a atingir o compliance e atender às expectativas dos clientes.

Esse gerenciamento envolve leis, decretos, portarias, resoluções e instruções normativas. E além de identificar a legislação aplicável, é necessário verificar seu texto atualizado e periodicamente avaliar se as obrigações estão sendo atendidas.

Portanto, a gestão dos requisitos legais é extremamente importante para a implantação de um sistema de gestão ou para obter uma certificação internacional na norma ISO.

Quais são os benefícios ao gerenciar requisitos?

Ao trabalhar de forma estruturada com o gerenciamento de requisitos legais, obtém-se vários benefícios, como por exemplo:

  • Redução de custos;
  • Melhoria da qualidade;
  • Economia de tempo;
  • Redução de riscos;
  • Otimização de recursos e de pessoal.

Caso não haja o gerenciamento dos requisitos legais, a empresa consequentemente estará em não conformidade. Nesse caso, estará sujeita a penalidades civil, administrativas ou penais, além de ter dificuldade em conseguir seguros mais atrativos e acessíveis ou receber investimento ou aceite de empréstimos bancários. Pode também ter prejuízos financeiros e imateriais e danos à sua imagem.

Por isso, é necessário seguir e atender as legislações aplicáveis, seja ao seu negócio, sua operação, seu escopo, sua localização, sua produção, sua geração de resíduos, suas emissões, seus insumos, seus maquinários, seus produtos ou qualquer outra parte que corresponda à particularidade da empresa. e isso independe de qual área ela atua, podendo ser na parte ambiental, de saúde e segurança, responsabilidade social, eficiência energética, entre outras.

Por que utilizar um Software?

Utilize um software de gestão moderno e eficaz para melhorar o gerenciamento de requisitos legais

Conforme visto acima, para que um negócio tenha sucesso ele precisa, necessariamente, contar com um bom gerenciamento de requisitos legais capaz de fazer o planejamento, desenvolvimento, monitoramento e controle a fim de avaliar e melhorar o cumprimento de requisitos legais em obediência a leis, normas e regulamentos a que a empresa está submetida.

Fazer isso por conta própria ou utilizando ferramentas obsoletas torna esse processo extremamente trabalhoso e improdutivo. Mesmo contando com uma equipe, pode ser que não seja identificado 100% das leis aplicáveis, pode passar despercebida alguma atualização de normas ou ainda haver erros de digitação, informações serem corrompidas, pessoas não autorizadas ter acesso e mudar as informações… Enfim, são muitas possibilidades para que seu gerenciamento falhe. 

Para não correr o risco de sofrer com as penalidades e prejuízos possíveis, é necessário utilizar um software moderno que atue como uma ferramenta que automatize todo esse processo de gerenciamento de requisitos legais. E esse software deve ser desenvolvido por quem seja expert no assunto, uma empresa realmente especializada e que conte com profissionais qualificados para assessorar no que for necessário e também que se atualizem constantemente sobre todas as mudanças que podem vir a ocorrer nas leis.

Com o uso de um software, nada escapa da sua gestão de requisitos. E dessa forma você ganha extrema dinamicidade e otimização de processos para a sua empresa.

SOGI: como gerenciar requisitos legais na sua empresa?

Grande parte das empresas utilizam softwares com o objetivo de monitorar seus requisitos e assim fazer uma gestão eficaz. O SOGI, ou Software Online de Gestão Integrada da Verde Ghaia, é um destes softwares, que atua em todas as tarefas, pendências, conclusões e prazos, auxiliando no atendimento às exigências legais, registrando todo o histórico e procedência do atendimento da legislação.

O SOGI possui várias funcionalidades e benefícios para ajudar em você em todas as etapas de gerenciamento de requisitos legais, como por exemplo:

  • Por ser totalmente online, você pode acessá-lo de qualquer lugar e em qualquer horário, sem necessidade de instalação. Assim, o usuário pode ter acesso de forma remota, sempre que precisar.
  • Gerencia versões de requisitos e alterações de conteúdo;
  • Armazena atributos do requisito;
  • Vincula requisitos a outros elementos do sistema;
  • Fornece várias visualizações de grupos de requisitos com base em seus valores de atributos;
  • Monitora o estado de cada requisito ou grupos de requisitos;
  • Controla o acesso aos requisitos, impedindo alterações não autorizadas;
  • Facilita a comunicação de requisitos para as partes interessadas;
  • Permite elaborar planos de ação para atendimento dos requisitos;
  • Emite relatórios e gráficos intuitivos de atendimentos dos requisitos e obrigações legais. Tudo de maneira simples e fácil, com apenas um clique.

O SOGI é dividido em módulos, cada um deles para responder a uma necessidade específica de uma empresa. Um exemplo é o Módulo LIRA (Lista Interna de Requisitos Aplicáveis), cujo objetivo é exatamente facilitar sua gestão e garantir que você esteja sempre em conformidade com todos os requisitos aplicáveis a seu negócio. Este Módulo permite analisar todos os requisitos de maneira intuitiva, incluindo quesitos, ações, prazos e alertas, bem como estatísticas e gráficos referentes ao atendimento e validação dos requisitos e obrigações, o total de ações pendentes, monitoradas e vencidas, os requisitos, incluídos, alterados ou excluídos, as ações incluídas e concluídas, custo previsto e realizado.

Importante destacar que a Verde Ghaia, responsável pelo SOGI, é referência quando se trata de softwares para gerenciamento de requisitos legais. A empresa está consolidada há mais de 20 anos no mercado, possuindo uma base de mais de 2300 clientes espalhados por todo o Brasil e que desejam soluções rápidas e práticas para o monitoramento legal e implementação de sistemas de gestão.

Portanto, utilizando o SOGI e contando com assessoria personalizada dos consultores Verde Ghaia, essas organizações podem alcançar excelentes resultados no gerenciamento de riscos.

Para saber mais…

Melhorar o gerenciamento de requisitos legais traz portanto extrema dinamicidade e otimização de processos para empresas. Essa dinamicidade e otimização é capaz de trazer resultados muito melhores para a organização, eliminando as dificuldades que muitos gestores insistem em manter em seu dia a dia de negócios.

Utilizar um software moderno então, como o SOGI, os resultados podem ser mais surpreendentes ainda! Ficou curioso, quer saber mais sobre esse assunto? Entre em contato com a equipe Verde Ghaia. Ou acesse este link e descubra como o SOGI pode fazer a sua empresa crescer de forma sustentável e atendendo a todos os requisitos aplicáveis à sua atividade.

Saiba como a LIA, Inteligência Artifical da Verde Ghaia, pode ajudar você a melhorar o gerenciamento de Requisitos legais. Agende uma apresentação!

Monitore todas as Leis e Requisitos Legais Aplicáveis à sua organização

O monitoramento de requisitos legais nada mais é do que acompanhar se uma organização está em dia com a legislação que rege seu negócio. Só que embora, a princípio, soe apenas como uma medida para evitar sofrer penalidades civis, administrativas ou criminais em função do não cumprimento das leis, é muito mais do que isso.

Por que devemos monitorar nossas leis e requisitos?

Por que devemos monitorar nossas leis e requisitos?

O monitoramento de requisitos legais denota que a empresa nutre preocupações para com o bem estar da sociedade em geral, que está buscando ser transparente, honesta, e que também se preocupa com a segurança e saúde do trabalhador e com o meio ambiente.

Embora a legislação frequentemente seja vista como uma burocracia, devemos nos lembrar de que muitas leis existem exatamente para garantir um ambiente seguro aos trabalhadores e para preservar o ecossistema, sendo assim, estar em conformidade legal significa manter a ética empresarial, melhorar processos, contribuir para um mundo melhor de alguma forma.

Monitorar Leis: não é custo, é investimento!

Monitorar Leis: não é custo, é investimento!

Embora pareça um grande gasto — e muitas vezes, ele seja visto como “desnecessário” —, na verdade o gerenciamento de requisitos legais é um verdadeiro investimento para  organização. Primeiro porque toda empresa que segue as leis corretamente evita ser penalizada com multas vultosas. Além disso, há os ganhos indiretos perante o Estado e a sociedade, pois a organização que cumpre a legislação integralmente, sempre será vista como uma organização confiável, digna de subsídios e investimentos.

Empresas que monitoram seus requisitos legais também reduzem despesas com seguros e obtêm mais vantagens caso necessitem de empréstimos bancários, pois sempre podem provar que estão trabalhando para mitigar seus riscos.

E a empresa não somente fica juridicamente estável, como também passa a conhecer melhor seus riscos, podendo assim mitigar incidentes e até mesmo cavar oportunidades no mercado.

Vamos a um exemplo prático: em janeiro de 2019, a Secretaria de Meio Ambiente de Santos multou uma loja local em R$ 5 mil por esta não possuir sistema de Logística Reversa para celulares e acessórios. Esse tipo de sistema é uma determinação do programa “Recicla Santos”, que determina que os pequenos e grandes geradores comerciais devem disponibilizar coletores específicos para o recebimento de resíduos especiais e, em conjunto com os fabricantes, importadoras e distribuidoras, estruturar e implementar sistemas de logística reversa de forma independente do serviço público de limpeza urbana e de manejo dos resíduos sólidos.

Se a loja estivesse monitorando seus requisitos legais, teria tomado conhecimento sobre o Programa Socioambiental de Coleta Seletiva Solidária Recicla Santos (Lei 952/2016), que entrou em vigor em setembro de 2017. Inclusive, a loja poderia ter usado a campanha de coleta com pano de fundo para uma promoção com benefícios revertidos aos clientes (“Traga sua bateria de celular para reciclagem e ganhe 10% de desconto na compra de um novo aparelho”), podendo assim aumentar suas vendas e promover sua imagem como uma empresa ecologicamente responsável. !

Como realizar um monitoramento de requisitos legais eficiente?

É praticamente impossível realizar o monitoramento de requisitos legais sem um sistema de controle rígido. Não só porque a identificação de Requisitos Aplicáveis ao seu negócio exige conhecimentos especializados (pois as leis são suscetíveis a diferentes interpretações), como também devido à existência de uma quantidade considerável de leis no Brasil. Imagine como seria acompanhar os diários oficiais — em âmbito federal, estadual e municipal — diariamente? E ainda por cima interpretar tudo com exatidão, sem deixar a empresa vulnerável a brechas legais?

Além do mais, cada segmento de uma empresa vai exigir uma atenção específica quanto à legislação:  suas operações, seu escopo, sua localização, sua produção, sua geração de resíduos, suas emissões, seus insumos, seus maquinários, seus produtos; isso sem contar a parte de recursos humanos.

Para garantir a qualidade desse monitoramento o ideal é contratar um banco de dados de legislação capaz de reunir todos os requisitos legais pertinentes à sua empresa, bem como o auxílio de uma consultoria especializada, que seja capaz de não apenas monitorar as leis, mas de tirar dúvidas e oferecer assistência integral.

O SOGI – Sistema On-line de Gestão Integrado — da Verde Ghaia é um sistema para o gerenciamento de requisitos legais que monitora tantos os sistemas de Meio Ambiente, Segurança e Saúde do trabalhador, quanto os requisitos pertinentes a Responsabilidade Social, Eficiência energética e Segurança de alimentos.

Além disso, a Verde Ghaia também conta com uma equipe de profissionais habilitados que realizam o acompanhamento diário da legislação aplicável, interpretando o texto de acordo com as principais obrigações legais a serem atendidas.

Por que atender à legislação do seu negócio?

Atender às legislações aplicáveis ao seu negócio propicia uma atuação mais sólida no mercado, diminuindo não apenas os riscos perante fiscalizações inesperadas ou denúncias de partes interessadas, como também proporciona uma melhoria contínua — afinal uma empresa que segue a lei naturalmente se encontra em conformidade, o que por si só já indica que seus processos são organizados e bem planejados.

Atender a todos os requisitos legais também auxilia na obtenção da certificação de diversas ISOs importantes, tais como a ISO 14001 (que visa um desempenho ambiental correto), a ISO 45001 (Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional) e a ISO 9001 (Gestão de Qualidade para produtos e serviços). Não é possível conquistar nenhum tipo de certificação se a empresa não estiver em conformidade legal.

Fale conosco!

Como realizar a identificação das Leis Aplicáveis ao Negócio com SOGI

O SOGI – Sistema Online de Gestão Integrada – é um sistema via web que auxilia as empresas a conhecerem e gerenciarem as leis e os requisitos legais aplicáveis ao seu negócio.

Adesão ao Software SOGI

O software permite ainda o monitoramento dos aspectos e impactos ambientais, perigos e riscos à saúde e segurança no trabalho, tratamento de não conformidades, gestão de documentos internos que tenham validade e sejam passíveis de renovação ou condicionantes em seu, além de ter acesso a indicadores relativos ao atendimento da legislação.

A versão 8.0 é uma construção conjunta da Verde Ghaia e de seus clientes, por meio de avaliações de satisfação do produto e implementação de melhorias sugeridas. Tudo isso para melhorar o atendimento das necessidades das empresas.

O SOGI ainda mantém a estrutura dos módulos: 

# MÓDULO ADMINISTRATIVO,

# MÓDULO LIRA,

# MÓDULO GAIA,

# MÓDULO PRSSO,

# MÓDULO AUDITORIA,

# MÓDULO TNC – Tratamento de Não Conformidade

# MÓDULO LICENÇAS,

# MÓDULO GRC – Governança, Risco e Compliance

# MÓDULO LICENÇAS E CONDICIONANTES

Conheça as funcionalidades de cada Módulo do SOGI
VG Digital – Gestão de Conformidade Legal

Módulos e Funcionalidades

O SOGI é o mais completo e confiável software para gerenciamento de legislação e requisitos legais do mercado.

Quais são as etapas para a implantação?

• Identificação da legislação com base no questionário online;

• Revisão da aplicabilidade das leis através de consultoria in loco ou a distância;

• Realização do treinamento do sistema in loco ou à distância.

Que tipo de empresa contrata?

a) Empresas que possuem ou estão em busca de certificação nas normas ISO 9001, ISO 14001, OHSAS 18001, NBR 16001, ISO 50001, ISO 22000, dentre outras.

b) Empresas que não têm interesse na certificação, mas que possuem política de gestão nos temas e buscam monitorar legislações, aspectos e impactos, perigos e riscos, não conformidades e outros requisitos (documentos).

c) Empresas que precisam atender requisitos de exigências na qualificação de fornecedores provindas de seus parceiros, clientes e outras partes interessadas.

Quais os benefícios para quem contrata?

• Conhecimento e gerenciamento das leis aplicáveis ao negócio;

• Conhecimento e gerenciamento dos riscos significativos e medidas de controle, em relação aos riscos ambientais e de segurança no trabalho;

• Redução dos riscos por processos trabalhistas;

• Redução dos riscos por crimes ambientais;

• Redução de riscos de responder à processos judiciais por responsabilidade civil, administrativa ou penal; multas e autos de infração que decorram de acidentes de trabalho, crimes ambientais, crimes trabalhistas, através do monitoramento preventivo das obrigações legais;

• Total controle dos processos relacionados aos temas de gestão;

• Suporte jurídico nos temas monitorados.

Conformidade Legal e Gestão Integrada Conformidade

POR QUE MINHA EMPRESA DEVE FAZER?

A estratégia da sustentabilidade das organizações deve estar voltada para a Gestão de Riscos, Compliance e a Prevenção. Somente seguindo este caminho é possível alcançar resultados importantes que sejam relevantes para a alta direção.

COMO MINHA EMPRESA PODE FAZER?

Somos especialistas em soluções que aceleram esta gestão. Através de softwares e outsourcing ajudamos as organizações na gestão da Sustentabilidade, com foco nas questões Ambientais, de Qualidade, Segurança Ocupacional, Responsabilidade Social, Segurança de Alimentos e Gestão de Energia.

O QUE MINHA EMPRESA DEVE FAZER?

Buscar ferramentas que possibilitem alcançar estes resultados com metodologias confiáveis e com todo o suporte necessário. O SOGI é o software online da Verde Ghaia que oferece resultados rápidos e integrados.

GESTÃO LEGAL

Gerenciamento completo dos requisitos legais e legislações municipais, estaduais e federais aplicáveis ao negócio.

GESTÃO INTEGRADA

Controle do Sistema de Gestão através de módulos específicos para Tratamento de Não Conformidades, Planos de Ação, Auditoria de Conformidade Legal, Gerenciamento de Aspectos e Impactos e Perigos e Riscos.

GESTÃO ESTRATÉGICA

Riscos e oportunidades, emissão de relatórios e gráficos gerenciais para tomada de decisão.

Como elaborar uma Gestão Estratégica baseada em riscos?

Dada as novas exigências, a gestão dos riscos (sem esquecer que as oportunidades também devem ser consideradas) deve ser feita de maneira estratégica e operacional, contando com o compromisso e a participação de todos os níveis e funções da organização. Os passos essenciais a serem seguidos são os seguintes:

Passo 1 – Planejar a gestão de riscos: 

Aqui são definidos como será feito, quem será responsável, como as atividades serão conduzidas, por exemplo.

Passo 2 – Identificar os riscos

Uma primeira identificação pode ser dividida em riscos de saúde e segurança do trabalho, riscos ambientais, riscos de crédito, riscos financeiros ou qualquer outro risco que se enquadre na atividade da sua empresa.

Identificar quais os riscos que a sua empresa está sujeita é de extrema importância. Vale todos, sejam especulativos, de impacto positivo ou negativo. Alguns já foram listados acima e podem te ajudar a realizar esta etapa. Além disso, ao identificar os riscos, sejam internos ou externos, você também encontrará as oportunidades do que pode ser melhorado em seu negócio.

Quanto mais detalhada esta fase, melhor será o desempenho de seu sistema de gestão de riscos. E nunca se esquecer de olhar também os requisitos legais aplicáveis a seu negócio.

Alguns pontos que devem ser considerados nesta etapa, seguindo as orientações da norma ISO 45001, são:

Contexto da organização: aqui deve ser olhado para as questões internas e externas. Uma ferramenta para te auxiliar é a análise SWOT, já que ela permite identificar os pontos fortes e as fraquezas (questões internas) e as oportunidades e ameaças (questões externas).

Partes interessadas: identificar quem são e quais suas necessidades e expectativas, bem como quais estão relacionadas a requisitos legais;

Escopo do sistema de gestão

Como fazer uma gestão estratégica de riscos

Perigos: os perigos também devem ser identificados, tais como: como o trabalho é organizado, fatores sociais, liderança e cultura da organização; atividades e situações de rotina e não rotineiras; incidentes anteriores relevantes; potenciais situações de emergência; pessoas no local de trabalho e vizinhança; questões relacionadas a situações não controladas e mudanças, entre outros, de acordo com a atividade da sua organização.

Passo 3 – Realizar uma análise qualitativa e quantitativa dos riscos

Depois de conhecer os tipos de riscos que sua empresa pode possuir, é fundamental que os riscos sejam quantificados e qualificados. Um primeiro passo é classificar estes riscos entre aqueles que:

  • tem chance muito remota de ocorrer;
  • provavelmente não vai ocorrer, mas pode ser que aconteça;
  • a chance de ocorrer são muito baixas, mas sua existência não pode ser ignorada;
  • tem boa chance de acontecer; e
  • provavelmente vai acontecer, às vezes mais de uma vez.

Após essa prévia classificação por tipo de risco, é importante definir a gravidade das consequências de cada um deles, para saber quais devem ser tratados como prioridade em uma gestão de riscos.

Para essa análise é importante considerar por exemplo o grau de dano ao meio ambiente (perda irreparável, média ou quase nenhum impacto?), aos colaboradores (podem causar a morte, incapacidade total, parcial ou leve?), às instalações e equipamentos da empresa (corre o risco de perder tudo, ou a perda é parcial ou leve?) e à saúde financeira da empresa (os prejuízos serão elevados, médios ou pequenos?).

A quantificação dos riscos e oportunidades auxilia na priorização de ações, ou seja, o que será tratado a curto, médio e longo prazo.

Passo 4 – Planejar a resposta aos riscos

Aqui são definidas quais ações serão tomadas para mitigar ou eliminar os riscos identificados nos passos acima. É o plano de ação, que dará prioridade aos riscos que poderão causar os maiores impactos a seu negócio.

 Para esta etapa devem ser avaliados os limites e a aplicabilidade do sistema de gestão.

Passo 5 – Monitorar e controlar os riscos

Neste passo, o plano de ação é implementado e é feito o seu monitoramento, bem como a identificação de novos riscos e também a avaliação da eficácia dos processos de tratamento dos riscos e sua análise crítica.

 É importante que sua empresa mantenha toda a informação documentada, sejam documentos ou registros para assegurar que o plano de ação ocorrerá conforme o planejado.

Quando fazer gestão de riscos?

Onde fazer a gestão de riscos?

A gestão de riscos pode ser feita para processos, requisitos legais, aspectos e impactos e para o próprio negócio. Quando for para processos, é importante identificar todas as atividades realizadas em cada processo, a fim de identificar as oportunidades e os riscos.

A gestão de riscos para requisitos legais refere-se ao levantamento das legislações pertinentes para a atividade da sua empresa.Se for uma gestão para aspectos e impactos, serão analisados os aspectos e os impactos das atividades e/ou dos processos da sua organização.

Quando a gestão de riscos é para o seu negócio como um todo, então é feito o planejamento estratégico, levando em conta o mercado, a tecnologia, os recursos financeiros, os recursos intelectuais, os recursos humanos e as expectativas passadas, presentes e futuras.

Os benefícios de uma gestão de riscos eficaz para você e sua empresa

  • Proteja seu negócio;
  • Evite perda de valor da empresa devido à ocorrência de crises;
  • Previna e possa prever instabilidades corporativas;
  • Trate as incertezas e os riscos e oportunidades a elas relacionadas;
  • Melhore o relacionamento com as partes interessadas;
  • Maximize o aproveitamento das oportunidades positivas de ganhos;
  • Aumente a probabilidade de atingir os objetivos;
  • Estimule uma gestão proativa;
  • Esteja atento para a necessidade de identificar e tratar os riscos através de toda a organização;
  • Melhore a identificação de oportunidades e ameaças;
  • Melhore o reporte das informações financeiras;
  • Estabeleça uma base confiável para a tomada de decisão e o planejamento;
  • Melhore os controles;
  • Aloque e utilize eficazmente os recursos para o tratamento de riscos.

Uma gestão de riscos eficaz permite que sua empresa:

  • Tenha vantagem competitiva;
  • Esteja mais preparada para se antecipar a problemas;
  • Por saber se antecipar a problemas, estará mais sólida e será mais valiosa aos olhos do mercado;
  • Melhore o planejamento estratégico;
  • Melhore a performance e a produtividade;
  • Atenda às normas internacionais e requisitos legais e regulatórios pertinentes;
  • Melhore a governança;
  • Melhore a confiança das partes interessadas;
  • Melhore a eficácia e a eficiência operacional;
  • Melhore o desempenho em saúde e segurança, bem como a proteção do meio ambiente;
  • Melhore a prevenção de perdas e a gestão de incidentes;
  • Minimize perdas;
  • Melhore a aprendizagem organizacional;
  • Desenvolva uma mentalidade de risco na rotina operacional; e
  • Aumente a resiliência da organização.

Quer saber mais sobre Gestão de Riscos? Fale conosco!

O que o SOGI oferece a sua Gestão?

Sua empresa possui diretrizes internas de Compliance? Possui uma política voltada para boas práticas de gestão na área de Sustentabilidade? Precisa de uma solução que te ajude a demonstrar indicadores com os resultados dessa gestão de forma estratégia para o negócio? Quer fazer uma gestão preventiva e com base em análise de riscos para tomada de decisão?

Se você respondeu sim a essas perguntas, então o SOGI é a uma solução para você! SOGI é uma plataforma online que traz funcionalidades que proporcionam praticidade e confiabilidade ao seu processo de gestão e irá te oferecer metodologia personalizada e ágil.

SOGI: atendimento às Normas Internacionais ISO

As normas internacionais foram criadas com o objetivo de ajudar as empresas a estarem em conformidade com os mais desafiadores e excelentes padrões de qualidade, no qual se incluem gestão de pessoas, meio ambiente e muito mais. Para você entender melhor como elas funcionam é preciso conhecer o objetivo de cada uma.

software de gestão da Verde Ghaia, SOGI, permite o completo gerenciamento dos requisitos legais da organização, independentemente do porte ou setor de atuação. A tecnologia é adaptada à todas as exigências feitas nas normas internacionais:  ISO 9001, OHSAS 18001, SA 8000/NBR 16001, ISO 50001, ISO 22000. Além disso, o software de gestão da Verde Ghaia permite que planos de ação sejam traçados para que as exigências sejam alcançadas de maneira estratégica e completa, permeando em todos os setores da organização.

ISO 9001 é uma norma internacional que diz respeito à Gestão da Qualidade dentro das empresas. Entre suas exigências estão a definição de requisitos para gerenciamento de processos, estabelecendo compromissos com a melhoria contínua.

A ISO 45001 é uma certificação internacional para a implantação de um Sistema de Gestão da Saúde e Segurança Ocupacional, que contempla a avaliação dos perigos e riscos que os colaboradores são expostos, ao longo da cadeia produtiva, estabelecendo assim, medidas para prevenção de acidentes.

Questionário Online do SOGI

O QUESTIONÁRIO ON-LINE é extremamente importante para a efetividade do processo de gestão legal. Ele deverá ser preenchido pelos próprios clientes assim que iniciadas as atividades no SOGI 8, informando suas particularidades, tais como: localização, insumos, produtos, atividades, entre outros. Estas informações são essenciais para a criação da planilha LIRA.

Quando houver modificações na empresa, seja em seus processos, produtos, entre outros, é necessário reabrir o questionário e realizar a atualização dos dados. Assim o departamento Jurídico da Verde Ghaia poderá revisar e atualizar a planilha LIRA, de acordo com os novos dados.

Como acessar o questionário online?

Para visualizar os questionários, acesse o menu QUESTIONÁRIO e clique em QUESTIONÁRIO ON-LINE, como indicado a seguir.

Como usar o Questionário Online do SOGI?

Para responde-los, clique no questionário escolhido e responda as perguntas apresentadas de acordo com os temas localizados à esquerda da tela. É importante lembrar que para responder e visualizar o QUESTIONÁRIO o usuário deve ter permissão nível ADMINISTRADOR.

Como usar o Questionário Online do SOGI?

A medida que o questionário for sendo respondido, as respostas são salvas automaticamente. Ao final, é possível fechar o questionário, ou clicar em ENVIAR QUESTIONÁRIO. Ao clicar em enviar as respostas são enviadas diretamente para o e-mail do Setor Jurídico da Verde Ghaia.



Tire todas as suas dúvidas através do Suporte FAC ou pelo site.


SOGI e Verde Ghaia, Sempre por você!

Dúvida? Entre em contato!